No Place Like

Estou aqui contando as horas pra Bienal de Veneza que começa oficialmente na segunda, dia 29/08. Mas já nessa sexta, rola a inauguração do pavilhão de Portugal com a mostra “No Place Like”.

Um bairro na cidade, atracado como um barco, uma casa na praia com o chão de areia, outra camuflada num bairro da cidade e uma que olha para a planície. Como as mostrar?

A dupla Manuel e Francisco Aires Mateus, Ricardo Bak Gordon, João Luís Carrilho da Graça e Álvaro Siza Vieira são os arquitectos que representam Portugal na 12ª Exposição Internacional de Arquitectura – La Biennale di Venezia. Os comissários Julia Albani, José Mateus, Rita Palma e Delfim Sardo escolheram 4 projectos de habitação exemplares, de cada um destes arquitectos.

Para os apresentar, encomendaram-se filmes ficcionados a Filipa César, João Onofre, João Salaviza e Julião Sarmento, alguns dos mais notáveis artistas e realizadores cinematográficos portugueses. As casas, apresentadas através dos filmes, estão todas localizadas em Portugal, e correspondem a diferentes topologias, situações e contextos.

Fonte.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s